CADEIRA 33

FUNDADORA

PATRONESSE

SUCESSORA

Bernadete Silva Mariani, nascida em 27 de fevereiro de 1949, em Guarapuava, Paraná,

Filha de Noemy Caldas da Silva e Maria do Belém Silva. Autodidata, começou seus trabalhos artísticos em 1993, freqüentando cursos livres, aprendendo técnicas diversas.

Em 1997, participou das oficinas de Artes Plásticas, tridimensionalidade, gravura e argila, na Universidade Estadual do Centro Oeste.

Fez inúmeras exposições individuais e participou diversas vezes da Mostra de Artes Plásticas da UNICENTRO.

Em 1996 participou da exposição Arte que Protege a vida, no Espaço Cultural do Teatro Guaira em Curitiba.

Em 2000 fez o curso de atualização em pintura no Curso de extensão universitária da Universidade Federal do Paraná , com o renomado artista Dudi Maia Rosa.

Em 2001 foi selecionada para quatro diferentes Salões de Arte Contemporânea do Circuito Oficial de Salões da Secretaria de Cultura do Estado. (Paranaguá, Ponta Grossa, Goioerê e Telêmaco Borba). No mesmo ano foi selecionada para a I Bienal da Gravura de Santo André-SP.

É catalogada no Dicionário de Artes Plásticas Brasil de Julio Louzada. Tem obras publicadas nas revistas Artistas da Vernissage e Revista Domani de Pintura, da Editora Domani (SP).

Foi uma das 20 selecionadas em concurso promovido pelo Instituto Euclides da Cunha, julgado pela Academia Paranaense de Letras, tendo como prêmio a impressão do libreto Poemas Di Versos com tiragem de 50 mil exemplares.

Em 2002 foi selecionada em concurso nacional para participar das antologias: “A nova literatura virtual” e “Poesia brasileira para crianças”, pela editora Litteris do Rio de Janeiro.

Em 2004 foi a segunda colocada no concurso nacional de contos da Secretaria de Cultura do Estado, categoria especial Paraná. No mesmo ano foi selecionada para fazer parte do 27° Salão de Artes Visuais de Jacarezinho, Paraná.

Copyright © 2019

Direitos Reservados - ALAC

Rua Senador Pinheiro Machado, 1827, Centro

85010-100 - Guarapuava - Paraná

podcast.png

Desenvolvido por

Fábio Vinícius Primak